Home > Banco de Questões > Biologia > Genética >

Herança Ligada Ao Sexo

Lista de 10 exercícios de Biologia com gabarito sobre o tema Herança Ligada Ao Sexo com questões de Vestibulares.

Confira as videoaulas, teoria e questões sobre: Genética.





1. (UFMG) A hipofosfatemia com raquitismo resistente à vitamina D é uma anomalia hereditária. Na prole de homens afetados com mulheres normais, todas as meninas são afetadas e todos os meninos, normais. É correto concluir que a anomalia em questão é:

  1. determinada por um gene dominante autossômico.
  2. determinada por um gene dominante ligado ao sexo.
  3. determinada por um gene recessivo autossômico.
  4. determinada por um gene recessivo ligado ao sexo.
  5. determinada por um gene do cromossomo Y.

2. (Vunesp-SP) Considere o heredograma que representa uma família portadora de caráter recessivo condicionado por gene situado em um dos cromossomos sexuais.

A respeito dessa genealogia, podemos afirmar que:

  1. a mulher 2 é homozigota
  2. as filhas do casal 3 e 4 são certamente portadoras do gene.
  3. as mulheres 2 e 3 são certamente portadoras do gene.
  4. todas as filhas do casal 1 e 2 são portadoras do gene.
  5. os homens 1 e 4 são certamente portadores do gene.

3. (UEL) A hemofilia é uma doença hereditária recessiva ligada ao cromossomo sexual X, presente em todos os grupos étnicos e em todas as regiões geográficas do mundo. Caracteriza-se por um defeito na coagulação sanguínea, manifestando-se através de sangramentos espontâneos que vão de simples manchas roxas (equimoses) até hemorragias abundantes

Com base no enunciado e nos conhecimentos sobre o tema, é correto afirmar:

  1. Casamento de consangüíneos diminui a probabilidade de nascimento de mulheres hemofílicas.
  2. Pais saudáveis de filhos que apresentam hemofilia são heterozigotos.
  3. A hemofilia ocorre com a mesma freqüência entre homens e mulheres.
  4. As crianças do sexo masculino herdam o gene da hemofilia do seu pai.
  5. Mulheres hemofílicas são filhas de pai hemofílico e mãe heterozigota para este gene.

04. (UNIFOR) Em determinada espécie de ave, o gene A condiciona plumagem negra, enquanto que seu alelo A1 condiciona plumagem amarela. Aves heterozigóticas para esse caráter apresentam plumagem cinzenta. Sabendo-se que esse caráter é ligado ao sexo e que nas aves o sexo heterogamético é o feminino, espera-se que o cruzamento entre um macho amarelo e uma fêmea negra produza na descendência:

  1. somente machos negros.
  2. somente fêmeas amarelas.
  3. somente machos cinzentos.
  4. 100% dos machos cinzentos e 100% das fêmeas amarelas.
  5. 100% dos machos negros e 100% das fêmeas amarelas.

05. (UFMS) Uma mulher de visão normal, cujo pai é daltônico, casou-se com um homem também de visão normal. Lembrando que o daltonismo é uma doença de herança ligada ao sexo feminino, a probabilidade é de que

  1. um quarto das filhas do casal seja daltônico.
  2. metade dos meninos, filhos do casal, seja daltônica.
  3. metade dos meninos e metade das meninas, filhos do casal, sejam daltônicos.
  4. um quarto dos meninos, filhos do casal, seja daltônico.
  5. um oitavo de todos os filhos do casal, tanto meninos quanto meninas, seja daltônico.

06. (FATEC) Considere as afirmações a seguir sobre uma das doenças representadas na tirinha:

Considere as afirmações a seguir sobre uma das doenças representadas na tirinha

I. O daltonismo é uma deficiência visual que impede o indivíduo de enxergar certas cores e pode ser prevenido através de medicação específica.

II. Se uma mulher daltônica transmitir um dos seus autossomos portador do alelo para o daltonismo a um filho, ele será certamente daltônico.

III. Um homem hemizigótico para o alelo mutante do daltonismo tem dificuldades para distinguir cores.

IV. O daltonismo, atualmente, graças à engenharia genética, já tem tratamento e cura.

V. Uma mulher heterozigótica para o daltonismo, que recebeu de seu pai o cromossomo X, portador do gene alelo mutante para essa doença, tem visão normal para as cores.

Está correto o contido em:

  1. III e V, apenas.
  2. I, III e IV, apenas.
  3. II, III e V, apenas.
  4. I, II, IV e V, apenas.
  5. I, II, III, IV e V.

07. (PUC-RJ) Uma característica genética recessiva presente no cromossomo Y é:

  1. poder ser herdada do pai ou da mãe pelos descendentes do sexo masculino e do feminino.
  2. só poder ser herdada a partir do pai por seus descendentes do sexo masculino.
  3. só poder ser herdada a partir do pai por seus descendentes do sexo feminino.
  4. só poder ser herdada a partir da mãe por seus descendentes do sexo masculino.
  5. só poder ser herdada a partir da mãe por seus descendentes do sexo feminino.

08. (UFSM) Considerando-se indivíduos hemofílicos do sexo masculino, pode-se afirmar que suas células somáticas e gaméticas, respectivamente, possuem

  1. 46 autossomos – 23 alossomos.
  2. 44 alossomos + XX – 22 alossomos + X ou X.
  3. 44 alossomos + XY – 22 alossomos + X ou Y.
  4. 46 autossomos + XX – 23 autossomos + X ou X.
  5. 44 autossomos + XY – 22 autossomos + X ou Y.

09. (UEL) Em algumas modalidades esportivas, as equipes devem ser formadas apenas por atletas do mesmo sexo. Sobre as características que determinam ou diferenciam o sexo, é correto afirmar

  1. O sexo masculino depende de um gene determinador do sexo localizado no cromossomo Y.
  2. A progesterona atua no desenvolvimento de órgãos genitais típicos do sexo masculino.
  3. Os núcleos das células feminina e masculina apresentam um mesmo conjunto cromossômico.
  4. A testosterona é o principal hormônio sexual feminino produzido nas trompas.
  5. As células masculinas apresentam cromatina sexual.

10. (PUC-RJ) Joana é daltônica e é do tipo sanguíneo A. Ela se casou com Pedro, que tem visão normal e é do tipo sanguíneo AB. Sabendo que a mãe de Joana tem visão normal e é do tipo sanguíneo O,a probabilidade de o casal ter uma menina de visão normal e do tipo sanguíneo A é de:

  1. 1/4
  2. 1/8
  3. 3/4
  4. 1
  5. 1/2

.